Quais os componentes de um motoredutor para porta de enrolar?

Quando falamos de porta de enrolar automática, um componente fundamental para fazer todo o sistema funcionar é o motor. Também chamado de motoredutor, esse equipamento reúne toda a tecnologia necessária para abrir e fechar a porta sem esforço humano. Leia esse artigo e conheça quais são os componentes que tornam essa peça o coração dessa estrutura.

Um motoredutor para porta de enrolar é desenvolvido para diversas aplicabilidades tais como comércio, indústria, residências, etc. De acordo com as dimensões da porta, faz-se necessário um equipamento de potência adequada para suportar seu peso e efetuar sua correta movimentação, oferecendo toda comodidade e segurança.

De forma geral, independentemente de sua potência, o motoredutor para porta de enrolar possui um funcionamento único, já que ele que traciona as lâminas da porta na direção do tubo superior ao abrir ou desenrola a estrutura metálica ao fazer o fechamento.

Componentes de um motoredutor para porta de enrolar

Cada uma das peças tem uma importante função no equipamento. Veja abaixo a lista de componentes que formam um motor automatizador para portas de enrolar e possibilitam seu funcionamento:

  • Central de comando
    • Local onde se localiza os componentes elétricos para acionamento do motoredutor.
  • Freio
    • Dispositivo de parada que serve para travar a porta quando o motor está desligado.
  • Inversão de lado
    • Dispositivo que visa manter a corrente do acionamento manual do lado correto. Para o ajuste é preciso soltar os parafusos e rotacioná-los em 180 C° colocando a corrente na posição correta para utilização do automatizador.
  • Motor Elétrico
    • Sistema de segurança para controle de temperatura que desarma o funcionamento do motoredutor em 130C°. Assim que a temperatura retorna aos 70C° a operação pode ser retomada.
  • Limitador (fim de curso)
    • Determina o limite de parada, abertura e fechamento da porta de enrolar. Consiste em um parafuso de rosca sem fim que é ajustado de acordo com a necessidade.
  • Redutor
    • Componente formado por engrenagens que devem ser lubrificadas com graxa especial. Recebe alta temperatura e toda força do motor para porta de rolo.
  • Esticadores da corrente de transmissão
    • Parafusos que movem o automatizador para frente ou para trás referente à corrente de transmissão (para funcionar é necessário que esteja esticada e com leve folga).
  • Acoplagem
    • Sistema que tem por objetivo agilizar a instalação do motoredutor para porta de enrolar, pois a engrenagem e a corrente de transmissão já estão fixas na chapa.
  • Acionamento Manual
    • Uma talha localizada no corpo do motor que possibilita seu acionamento manual (abertura e fechamento) em caso de emergência.
  • Alimentação Elétrica
    • Plugue para conexão à rede de energia (220V).
  • Plug para ligação da central de controle remoto
    • Através dessa conexão é possível instalar a receptora do controle remoto sem fio.
  • Botoeira
    • Componente com 3 botões, que permitem subir, descer e parar a porta de enrolar. 
  • Caixa de proteção da botoeira
    • Em inox com trava, permite a proteção dos componentes da botoeira e impossibilita seu manuseio incorreto.

Automatic Automatizadores

A Guaruportas trabalha com os motoredutores Automatic Automatizadores, que contam com certificação do INMETRO, NBR ISO 9001:2008 e IAF. Ideais para portas de enrolar de aço, galvanizado, inox ou alumínio, eles possuem garantia total de funcionamento e assistência técnica em todo o Brasil.

Veja o vídeo abaixo e aprenda a fazer a instalação da porta de rolo da Guaruportas. Para saber mais, entre em contato com nossos técnicos!

 

 

Posted in:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *